SEMANA
O
D
ESIGN
TRANSFORMA

Festival de DesignDesign Festival
Semana D+: resumo do segundo dia
Publicado por Lais 05.11.2014

Semana D+: resumo do segundo dia

O segundo dia de Semana D também foi muito animado!
Logo de manhã, o Espaço D+ recebeu o workshop de arte-final para pré-impressão com o Alexandre Japa, do Estúdio Borogodó. No evento, os participantes puderam aprender um pouco mais sobre o tema e conversar sobre vários assuntos criativos, como moda, design e comportamento. Com 14 anos de experiência, o Alexandre Japa destacou a importância da arte-final para quem quer criar peças de qualidade, além de oferecer argumentos para que os profissionais possam conversar com os fornecedores e exigir que o mercado acompanhe as inovações na área.

Paralelamente ao workshop, o Espaço D+ foi palco para as apresentações do Programa de Pós-graduação em Design na UFPR e mesas-redondas. Na ocasião, 40 trabalhos foram mostrados para o público. Os assuntos foram desde jogos de tabuleiros a crowdsourcing, passando por sistemas de informação e legibilidade nos meios digitais, mas sempre com o Design como fio condutor.

Quem se interessa por novas formas de gerenciar projetos também teve programação garantida na agenda de ontem. No workshop facilitado por Rafael Souza, os participantes puderam conhecer mais sobre a metodologia Dragon Dreaming, criada pelo australiano John Croft e baseada nos aborígenes australianos. A metodologia diz que todo projeto, seja pessoal ou profissional, deve passar por quatro fases: sonho, planejamento, execução e (last but not least) celebração.

Já à noite, o pessoal participou da palestra Sometimes you win, sometimes you learn, da Cristina Pagnoncelli. Na ocasião, a Cris dividiu como foi ( e está sendo) a sua trajetória profissional e trouxe uma série de dicas e aprendizados que colecionou nesses anos. Uma das principais dicas trazidas foi que não podemos ficar esperando as coisas acontecerem. É importante botar pra fazer e arriscar, sem medo das críticas.

Na sequência, Eduilson Coan e Jackson Alves se uniram a Cris. Para uma plateia cheia (mais de 200 pessoas!), o grupo contou como foi a criação do Criatipos e as dificuldades do começo, além de trazer detalhes de trabalhos para o festival Lollapalooza, a cerveja Sol e o Rause Café.

Ao final do evento, e levando em consideração o “vai lá e faz” falado pela Cris, a equipe da Semana D convidou os participantes a desenharem com giz nas paredes do Espaço D+. A primeira pessoa que teve a iniciativa de ilustrar no mural arrematou um pôster criado pela Caixa Filosofal.

Curtiu?! Então confira as próximas atividades programadas para a Semana D.